Dicas

Gorjetas na França: Quando e quanto dar

Descubra como são dadas as gorjetas na França e saiba como recompensar da maneira correta e educada os serviços durante sua viagem. Saber os costumes de cada país é um detalhe muito importante para não passar vergonha nem agir de forma errada, ainda mais na França. Dar gorjeta é pouco comum no Brasil, no entanto, na França pode ser necessário, em algumas ocasiões. Continue lendo e saiba exatamente quando dar gorjetas.

Gorjetas na França

E se você está planejando viajar para lá, não deixe de conferir também as dicas imperdíveis de como economizar muito na França. São dicas muito boas, que valem a pena, e vão fazer você economizar muito em todo o planejamento da viagem e quando estiver lá. Sua viagem à França vai sair mais barata do que imaginava e você poderá gastar mais para aproveitar ainda mais sua viagem. Agora veja tudo sobre as gorjetas na França.

Quanto e quando dar de gorjeta quando estiver na França

Em estabelecimentos da França, as gorjetas já estão inclusas no valor, assim como no Brasil. Mas, diferente do nosso país, a taxa é um pouco mais alta: de 15%, e não 10%. Mas caso você queira confirmar se esse valor realmente está incluso, para não pagar duas vezes, você pode ver se está escrito “service compris”. Além disso, é importante saber que a taxa de serviço já vem inclusa no próprio preço da bebida ou prato que você pedir, então a conta geralmente dá a soma dos pedidos mesmo.

Dinheiro em euro

Apesar disso, algumas pessoas deixam gorjetas nas mesas, embora não seja uma obrigação. Isso porque, nesse caso, o dinheiro vai direto para o garçom, e não é dividido entre outros funcionários, como acontece na  taxa de “service compris”. Por isso, se quiser deixar gorjetas especialmente para o funcionário, use sempre dinheiro e não cartão.

Como dar gorjeta na França

A gorjeta na França não é tão usual, no entanto, muitas pessoas costumam dar e é interessante que você faça o mesmo, principalmente quando receber um ótimo serviço de algum profissional. Assim, eles se sentirão recompensados e valorizados. Veja a seguir o que pagar de gorjeta, em média, por cada tipo de serviço.

Euro na França

Ao pagar um café:

Ao pagar por um café com leite (ou outra bebida), é importante deixar o troco ou arredondar para o número inteiro mais próximo da conta total.

Gorjeta para o garçom do restaurante:

A gorjeta é incluída na conta final, mas se o serviço excedeu suas expectativas, arredonde a conta até o número inteiro mais próximo ou deixe de 5 a 10% para mostrar sua gratidão ao garçom. Outra opção é deixar de 1€ a 2€ por cada 20€ gasto em todos os restaurantes, exceto os mais finos.

Guardador de casaco:

Nos restaurantes finos, 1€ é uma boa gorjeta para alguém que guarda seu casaco.

Bartender:

Em um bar, deixe o troco da sua conta ou arredonde para o número inteiro mais próximo da conta total de suas bebidas.

Táxis:

Diferente de outros países, como os EUA, as gorjetas para taxistas não são comuns. No entanto,  você pode arredondar sua corrida para cima ou oferecer 5% da tarifa final se o motorista ajudar com sua bagagem ou providenciar uma viagem rápida e segura.

Taxi em Paris

Motorista de transfer do aeroporto:

Nenhuma dica é necessária, mas é costume dar gorjeta de 1€ a 2€ por mala.

Porteiro:

Sinta-se à vontade para dar gorjeta a 1€ se o porteiro ajudar a chamar um táxi ou trazer sua bagagem.

Estilista de loja:

Se você se sentir chique ao experimentar roupas em lojas de Paris, dê ao estilista uma gorjeta de 10% do custo total.

Lanterninha do teatro:

É costume dar 1€ por pessoa depois de ser ajudado a chegar ao seu assento.

Não esqueça o seguro viagem obrigatório para Europa

Agora que você já sabe tudo sobre as gorjetas na França, uma dica importantíssima que reforçamos para todos que estão planejando ir à qualquer país da Europa é que não se esqueça que fazer um Seguro Viagem Internacional é obrigatório para viajar para lá. Veja nossa matéria de Seguro Viagem para Europa com tudo o que você precisa saber sobre o assunto, quais são os melhores seguros e dicas para fazer um excelente seguro por um preço incrível economizando muito.

Dica para usar o celular à vontade na França e na Europa

Poder usar seu celular em Paris, na França, na Europa e em qualquer outro lugar do mundo é ótimo, pois ele acaba sendo muito útil. Você pode usar os aplicativos dos pontos turísticos e das cidades, os aplicativos de cupons de desconto, se for alugar um carro você economiza uns 100 euros por não precisar alugar um GPS pois poderá usar o do celular, pode pesquisar os endereços e horários dos lugares, ver a previsão do tempo para se planejar para os passeios e lógico ficar conectado com todo mundo através de aplicativos e postar suas fotos da viagem à França nas redes sociais. Se quiser, veja nossas dicas de como usar o celular à vontade na Europa. É super barato e você vai poder usar seu celular o dia inteiro e em qualquer lugar. O metrô de Paris, o Museu do Louvre, a Torre Eiffel e todos os outros pontos turísticos possuem aplicativos incríveis para os turistas. E usando a internet do seu celular você poderá pesquisar tudo sobre as gorjetas na França quando estiver lá.Dica para usar o celular à vontade na França e na Europa

Dicas para aproveitar melhor sua viagem à França

Outra dica importante para economizar dinheiro e tempo é com os passeios. Para conhecer a maioria dos pontos turísticos e museus da França é preciso comprar os ingressos de cada lugar. A dica é comprar todos os ingressos antes pela Internet, que além de serem sempre mais baratos, você economiza um bom tempo que perderia nas filas das bilheterias e já viaja com os ingressos em mãos e as atrações garantidas. Se quiser, veja aqui na matéria de ingressos para a França todas as dicas, os mais vendidos e onde comprar todos os ingressos pelo melhor preço.Dicas para aproveitar melhor sua viagem à França

Dicas para o aluguel de carro na França

Uma dica legal é que para conhecer bem as regiões da França é essencial alugar um carro, principalmente quando a ideia é conhecer as cidades do interior ou a famosa Costa Azul, a costa do Sul da França, com cidades lindas como Cannes, Mônaco e Nice. Elas são todas próximas e o carro facilita muito a viagem entre elas e é a forma mais fácil de se locomover por lá, sem falar que as estradas são lindas, você consegue ir ás praias paradisíacas mais afastadas e tem várias outras cidades legais para incluir no roteiro como Marselha, Lyon, Versalhes e a própria Paris. Se quiser, veja nossa matéria de como alugar um carro na França com dicas de como alugar um excelente carro por um preço incrível, usando comparadores de preços excelentes e tudo o que você precisa saber sobre o assunto.

Veja outras matérias imperdíveis para quem vai viajar à França:

O que fazer em Paris: Principais atrações, passeios e lugares de Paris na França.

Como economizar muito na França: Dicas incríveis para economizar em tudo em Paris.

Como alugar um carro na França: Dicas sobre o aluguel e como achar preços incríveis.

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *