França

Como será o desconfinamento na França?

Pessoas desconfinadas

Veja como vai acontecer o retorno à vida normal na França

Veja como será o desconfinamento na França e saiba o que se pode fazer, o que está restrito e o que continua proibido, por enquanto, no país. A França terminará gradualmente seu confinamento a partir de 11 de maio. O plano de desconfinamento está disposto a seguir em detalhes para você saber o que vai ou não funcionar na França a partir de segunda. O objetivo: retomar uma atividade sem desencadear uma nova onda de contágios.

Desconfinamento

E se você está planejando viajar para lá, não deixe de conferir também as dicas imperdíveis de como economizar muito na França. São dicas muito boas, que valem a pena, e vão fazer você economizar muito em todo o planejamento da viagem e quando estiver lá. Sua viagem à França vai sair mais barata do que imaginava e você poderá gastar mais para aproveitar ainda mais sua viagem. Agora veja tudo sobre como será o desconfinamento na França.

Usar máscara no transporte público

O uso da máscara será obrigatório para todos os passageiros do transporte público a partir de 11 de maio, sob pena de multa de 135 euros, mas as regras de distanciamento imporão uma drástica redução de capacidade desses transportes. A mesma obrigação de usar essa proteção para profissionais que trabalham com crianças, bem como para estudantes da faculdade.

Pessoa de máscara

Ir a uma biblioteca ou a um pequeno museu

Bibliotecas de mídia, bibliotecas e pequenos museus reabrem na segunda-feira 11 de maio. Nesses locais, o uso de máscara não é obrigatório, confirmou o ministro do Interior, Christophe Castaner.

Biblioteca miniatura em Lyon

Convidar pessoas para sua casa

Este 11 de maio também assinará o retorno à vida social, porém com seus limites. As reuniões organizadas na via pública ou em locais privados (sua casa) serão limitadas a 10 pessoas (incluindo você).

Festa em casa

Ir ao cabeleireiro e fazer compras

Com exceção de cafés e restaurantes, todas as lojas poderão reabrir a partir de 11 de maio, desde que sejam capazes de aplicar medidas de proteção à saúde. O comerciante também pode exigir que você use uma máscara.

Compras em Paris

Se locomover sem um certificado

Será possível viajar sem certificado a partir de 11 de maio. Mas apenas a 100 km de sua casa, a menos que haja razões familiares ou profissionais convincentes. É possível passar de um departamento verde para um departamento vermelho (ou vice-versa).

Carro na França

Mandar crianças para creches, jardim de infância ou escola primária

A partir de segunda-feira (11 de maio), os pais podem, se desejarem, enviar os bebês de volta aos berçários (em grupos de no máximo dez) e as crianças ao jardim de infância e à escola. Mas, na realidade, a retomada das aulas não ocorrerá antes do meio da semana e para um número muito limitado de crianças em idade escolar.

Crianças indo para escola

Ir a um cemitério

Os cemitérios serão reabertos ao público em 11 de maio. Assim, pessoas podem visitar os túmulos de seus parentes falecidos. Entretanto, as cerimônias fúnebres permanecerão limitadas a 20 pessoas.

Cemitério Judaico em Nice

Viajar para mais de 100 quilômetros de sua casa

Grandes viagens permanecerão proibidas após 11 de maio. Viagem de mais de 100 km somente será possível por “razões convincentes, familiares ou comerciais”. Um novo certificado (disponível no domingo à noite) pode ser solicitado pela polícia no caso de uma inspeção.

Viagem de carro

Ir ao cinema

Diferentemente das bibliotecas, os grandes museus, cinemas, teatros e salas de cinema permanecerão fechados até 1º de junho, pelo menos. O mesmo vale para outras salas de eventos da cidade que concentram muitas pessoas.

Cinema em Paris

Participar de um festival ou show

Grandes eventos esportivos e culturais, em particular festivais, grandes feiras, todos os eventos que reúnem mais de 5000 participantes “não podem ser realizados antes de setembro”, segundo o primeiro ministro francês em entrevista sobre como será o desconfinamento na França.

Show em Cannes

Ir a um bar ou restaurante

Ao contrário de todas as lojas, os bares e restaurantes permanecerão fechados após 11 de maio. Seu destino será revisto no final de maio para uma possível reabertura em 2 de junho. Mas tudo dependerá da quantidade de novos casos.

Bar em Avignon

Participar de uma cerimônia religiosa

Uma das perguntas frequentes sobre como será o desconfinamento na França é em relação às cerimônias religiosas. Os locais de culto podem continuar abertos. As cerimônias religiosas, no entanto, não serão retomadas imediatamente. “Trabalharemos com todos os líderes religiosos nas condições de uma retomada das cerimônias religiosas até o final do mês”, disse Christophe Castaner na quinta-feira, 7 de maio, ao lado do primeiro-ministro.

Catedral de Estrasburgo

Praticar esportes

A barreira do quilômetro para a corrida acabou. A partir de 11 de maio, “será possível, em dias ensolarados, praticar uma atividade esportiva individual ao ar livre, respeitando as regras da distância física”. Tênis também é permitido.

Corrida na França

Por outro lado, não será possível praticar esportes em locais cobertos, esportes coletivos ou esportes de contato. Então os lugares esportivos como espaços fitness, crossfit, escalada ou ginásios estarão fechados até pelo menos até 2 de junho, a data da nova etapa do desconfinamento.

Ir a parques e jardins

Parques e jardins podem reabrir. Mas apenas nos departamentos “verdes”. Os prefeitos dos departamentos vermelhos podem pedir ao prefeito que autorize a abertura, mas é pouco possível que o requerimento seja atendido.

Parque em Paris

Ir para a universidade

A mesma coisa para a reabertura das universidades. Somente departamentos “verdes” podem fazer isso. Somente a partir de 18 de maio, nos departamentos pouco infectados, será considerada a reabertura das faculdades, começando nos dias 5 e 6. O restante só pode ser considerado no final de maio, principalmente para escolas secundárias.

Universidade na França

Ir à praia

Este é um dos principais desenvolvimentos na estratégia do governo para o desconfinamento. Após numerosos pedidos de autoridades eleitas locais, o executivo finalmente autorizou os prefeitos a reabrirem o acesso às praias, se o prefeito da comuna o solicitar. A regra geral, no entanto, continua sendo a proibição.

Orla de Biarritz

Não esqueça o seguro viagem obrigatório para Europa

Agora que você já sabe tudo sobre como será o desconfinamento na França, uma dica importantíssima que reforçamos para todos que estão planejando ir à qualquer país da Europa é que não se esqueça que fazer um Seguro Viagem Internacional é obrigatório para viajar para lá. Veja nossa matéria de Seguro Viagem para Europa com tudo o que você precisa saber sobre o assunto, quais são os melhores seguros e dicas para fazer um excelente seguro por um preço incrível economizando muito.

Dica para usar o celular à vontade na França e na Europa

Poder usar seu celular em Paris, na França, na Europa e em qualquer outro lugar do mundo é ótimo, pois ele acaba sendo muito útil. Você pode usar os aplicativos dos pontos turísticos e das cidades, os aplicativos de cupons de desconto, se for alugar um carro você economiza uns 100 euros por não precisar alugar um GPS pois poderá usar o do celular, pode pesquisar os endereços e horários dos lugares, ver a previsão do tempo para se planejar para os passeios e lógico ficar conectado com todo mundo através de aplicativos e postar suas fotos da viagem à França nas redes sociais. Se quiser, veja nossas dicas de como usar o celular à vontade na Europa. É super barato e você vai poder usar seu celular o dia inteiro e em qualquer lugar. O metrô de Paris, o Museu do Louvre, a Torre Eiffel e todos os outros pontos turísticos possuem aplicativos incríveis para os turistas. E usando a internet do seu celular você poderá pesquisar tudo sobre como será o desconfinamento na França quando estiver lá.

Dica para usar o celular à vontade na França e na Europa

Dicas para aproveitar melhor sua viagem à França

Outra dica importante para economizar dinheiro e tempo é com os passeios. Para conhecer a maioria dos pontos turísticos e museus da França é preciso comprar os ingressos de cada lugar. A dica é comprar todos os ingressos antes pela Internet, que além de serem sempre mais baratos, você economiza um bom tempo que perderia nas filas das bilheterias e já viaja com os ingressos em mãos e as atrações garantidas. Se quiser, veja aqui na matéria de ingressos para a França todas as dicas, os mais vendidos e onde comprar todos os ingressos pelo melhor preço.

Dicas para aproveitar melhor sua viagem à França

Dicas para o aluguel de carro na França

Uma dica legal é que para conhecer bem as regiões da França é essencial alugar um carro, principalmente quando a ideia é conhecer as cidades do interior ou a famosa Costa Azul, a costa do Sul da França, com cidades lindas como Cannes, Mônaco e Nice. Elas são todas próximas e o carro facilita muito a viagem entre elas e é a forma mais fácil de se locomover por lá, sem falar que as estradas são lindas, você consegue ir ás praias paradisíacas mais afastadas e tem várias outras cidades legais para incluir no roteiro como Marselha, Lyon, Versalhes e a própria Paris. Se quiser, veja nossa matéria de como alugar um carro na França com dicas de como alugar um excelente carro por um preço incrível, usando comparadores de preços excelentes e tudo o que você precisa saber sobre o assunto.

Veja outras matérias imperdíveis para quem vai viajar à França:

O que fazer em Paris: Principais atrações, passeios e lugares de Paris na França.

Como economizar muito na França: Dicas incríveis para economizar em tudo em Paris.

Como alugar um carro na França: Dicas sobre o aluguel e como achar preços incríveis.

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *